Playlist #06 | Top 5: Rock Nacional Anos 80

Tô quase mudando a data da playlist da semana para domingo, porque já são duas semanas seguidas que não consigo postar no dia certo. Mas o importante é sair. O tema de hoje une duas coisas que eu amo: Rock e os anos 80! Poderia passa muito tempo falando sobre os dois temas, então resolvi elencar 5 nomes da década dos quais eu sou muito fã e escuto bastante desde sempre.

Obviamente, por influência do meu pai, como sempre, mas que se tornaram relevantes para mim independente disso. Aviso que a ordem da lista não tem relação com a ordem de preferência, porque na verdade eu não conseguiria classificar dessa forma. Vamos lá?

11945,1629

 

Legião Urbana: Clássico dos anos 80 que atravessa gerações. Uma das minhas bandas preferidas da vida, não apenas nessa categoria. Sou dessas que canta Faroeste Caboclo inteira quando toca só pra mostrar que sei mesmo, podem julgar.

Mais escutadas: Tempo Perdido, Faroeste Caboclo, Índios <3, Ainda é Cedo.

 

 

cazuza-1-credito-divulgacao

Cazuza: “Meus heróis morreram de overdose, os meus inimigos estão no poder.” Taí uma frase que sempre me faz pensar. E quanto mais loucos os dias ficam e o mundo se perde em tristeza, guerra e indiferença, mais percebo o quanto as letras cantadas por ele e por tantos outros ícones continuam atuais, mesmo 30 anos depois.

Mais escutadas: Ideologia, O Tempo Não Para, Codinome Beija-Flor, Vida Louca Vida, Pro Dia Nascer Feliz.

 

 

IMG_2793

Capital Inicial: Lembro dos meus 16/17 anos, nas minhas últimas férias de verão antes do terceiro ano do Ensino Médio, aquela fase terrível de transição e dúvidas que todo adolescente passa. Pré-vestibular, cheia de inseguranças e medos e o show deles Ao Vivo em Brasília passou no Multishow na virada do ano. Gravei o show e assisti TODOS os dias dessas férias. Literalmente. Se tornou quase um ritual e isso ficou gravado pra sempre na minha memória, eram minha companhia enquanto eu aproveitava os últimos momentos de uma época que não voltaria jamais.

Mais escutadas: Fátima <3333, Independência, À Sua Maneira, Tudo Que Vai, Quatro Vezes Você, Respirar Você.

 

Titãs

Titãs: Acho incrível a energia dos caras até hoje. Com músicas que vão de românticas a críticas sociais e políticas extremamente necessárias e mesmo depois de tantas baixas eles continuam sendo incríveis. Tive a honra de assistir ao show de 30 anos da banda, que contou com a presença da formação original, depois de tantos anos separados e fui a outros shows deles também. Admito que sem o Paulo Miklos minha vontade de ir assisti-los diminuiu um pouco, sou muito fã do cara, mas isso não muda o carinho pela banda.

Mais escutadas: Epitáfio, Marvin, Vossa Excelência, Pra Dizer Adeus, Os Cegos do Castelo, Flores, Televisão.

 

cc4c80be-5d89-4c6d-b576-bfecc883a9da_paralamasjunho2017

Os Paralamas do Sucesso: Clássico, sem dúvida. Com uma pegada meio rock e MPB ao mesmo tempo, a banda continua sendo uma das referências, para mim, do que era a música na década de 80. Eles são os caras que têm as músicas antigas que são clássicas de karaokê e de domingos em família, mas também têm as que são tema de casal apaixonado em novela. Já embalaram romances, fossas, momentos de tristeza e alegria na vida de muita gente (na minha com certeza) e tinham que estar nesse top 5 com certeza.

Mais escutadas: Meu Erro, Lanterna dos Afogados, Romance Ideal, Ela Disse Adeus, Aonde Quer Que Eu Vá.

 

p000004214

Bônus Track: Não poderia deixar a banda Ira! de fora, que eu já ouvia um pouco com meu pai quando era mais nova, mas que só fui conhecer melhor no meu primeiro emprego. Trabalhava em uma empresa de diagramação e editoração e o clima era bem descontraído. Trabalhávamos ouvindo música e dentre muita coisa que aprendi a ouvir e outras que acabei enjoando de tanto que tocava, nasceu o carinho pelas músicas do Ira!. O acústico não saía mais da minha playlist e até hoje é uma das bandas que respeito demais do cenário nacional.

Mais escutadas: O Girassol, Flores em Você, Tarde Vazia, Flerte Fatal.

 

Eu poderia falar de vários outros nomes essenciais ao Rock Nacional dos Anos 80, mas quis falar dos mais escutados por mim, que fizeram parte da minha vida, principalmente adolescência e que me acompanham até hoje. Me conta quais são as suas referência dessa época também!

Anúncios

Playlist #05 | Para ler

post 17-09-2017Tem gente que acha estranho pra caramba, mas sei que tem quem se identifique comigo, então vamos lá. Olá, meu nome é Bruna e eu gosto de ouvir música enquanto leio. Brincadeiras à parte, foi um hábito adquirido inconscientemente e enquanto para algumas pessoas qualquer barulho atrapalha o momento da leitura, para mim  a música aumenta minha capacidade de me fechar em meu mundinho e entrar 100% na história que estou lendo.

Após alguns minutos nem estou mais prestando atenção à letra ou às músicas que estão tocando, mas sei que são elas que estão criando a barreira entre o mundo “lá fora” e esse momento tão meu com meus livros. Principalmente quando estou em locais mais barulhentos, o que acontece praticamente todos os dias, já que o momento mais garantido que tenho para ler é no deslocamento para o trabalho e para casa, dentro do metrô.

A verdade é que qualquer coisa que eu ouvir já vai cumprir bem a função de me isolar do mundo, porque acabo me perdendo na leitura e não prestando atenção na música em si, mas tem algumas que gosto de saber que vão tocar, é bem psicológico mesmo, e vou compartilhar agora com vocês. Tem muita música que fazem parte da trilha sonora de adaptações de livros e de filmes românticos e outras que eu só relaciono com muitos momentos que passei lendo e ouvindo. Vale a pena, eu garanto! E se tiverem mais opções para me apresentarem, comentem!

Playlist #04 | Quando bate a bad

02-09-2017

Todo mundo tem alguns dias meia boca, em que só queremos ouvir aquelas músicas melancólicas que teriam tudo para nos deixar ainda mais tristes, mas acabam sendo o que consegue aquecer nossos corações.

Como fã de Grey’s Anatomy, gosto muito ouvir uma playlist que criei com a soundtrack da série, porque melancolia a gente vê bastante por lá, mas tem várias outras músicas que eu gosto e acho que combinam muito com esses dias cinzentos que vivemos de vez em quando.

A música entra na alma e consegue expressar sentimentos que não sabemos como colocar pra fora apenas com sua melodia, sem nem precisar da letra. Nessa playlist separei um pouco das duas coisas, letras e músicas que combinam com esse mood e que serão ótimas companhias para curtir a bad de uma forma mais aconchegante.

Do mesmo jeito que ela chega, ela vai embora. Vamos aproveitar esses momentos para nos conhecermos e entendermos melhor, respeitando e curtindo esse tempo nosso com nós mesmos. Espero que gostem.

 

Playlist #03 | Minhas favoritas dos anos 80

26-08-17

Sábado é dia de que? De playlist! Porque amei essa ideia e porque tenho muita coisa pra compartilhar, dentre minhas músicas preferidas e mais escutadas para diversas ocasiões. Vamos passar de rock pauleira até Mc Kevinho (sim, real) e vai ser muito gostoso falar sobre tudo isso e o que algumas dessas músicas representam para mim!

Hoje vou mostrar uma playlist que acho que faz muito sentido, já que não paro de falar o quanto eu amo/sou os anos 80. Nela eu coloquei as músicas que eu mais gosto de ouvir da década, já aviso a maioria esmagadora é de love songs, daquelas bem clássicas e vão de Dirty Dancing a Phil Collins. Acho que mesmo sendo bastante parcial com uma playlist que eu mesma criei, posso dizer que quem clicar para ouvir não vai se arrepender!

Me contem o que acharam da playlist e, principalmente, se adicionariam algo mais à ela que com certeza eu aceito ideias para tornar a lista mais completa e cheia dos sucessos que marcaram época e nos acompanham até hoje 🙂

 

 

20431177_10155557924597556_19488188861920874_n

Playlist #02 | TOP 10: Músicas mais escutadas da vida

Ontem tive a ideia, depois de ler um post semanal de playlist, de fazer a mesma coisa por aqui! Já que eu amo música e só preciso de uma desculpa para fazer listas, achei a desculpa perfeita, rs. Está inaugurada, então, a playlist semanal do Reticendo! Se perdeu a primeira, pode conferir aqui 🙂

Estava pensando esses dias sobre músicas que eu já ouvi muito, não que necessariamente sejam as minhas preferidas, mas que eu sei que já ouvi demais durante algumas fases da minha vida e que ainda ouço hoje em dia. São aquelas que marcaram momentos e épocas e que eu não tive maturidade para entender o que seria um limite saudável para escutá-las. Então as escuto no repeat até hoje e tenho uma forte intuição de sempre será assim.

Para essa playlist escolhi 10 músicas que eu tenho certeza que estão entre as mais escutadas por mim, vocês vão perceber que elas não tem muito em comum uma com a outras, a não ser o fato de sempre melhorarem meu dia e me proporcionarem aquele abraço aconchegante que certas músicas nos proporcionam. Ah! Queria deixar claro que a ordem das músicas não tem nada a ver com a ordem de relevância delas para mim. Vamos lá?

post-16

#01 Forever Young: Let us die young or let us live forever” tem como não se arrepiar? Para mim, essa é uma das músicas mais bonitas que existem! Já viram a letra? Se não, por favor, façam isso agora. Ouço no repeat eternamente se for preciso, gosto muito quando estou no carro com meu pai e começa a tocar e ele deixa tocar inteira porque sabe que é uma das músicas que mais gosto na vida.

#02 Jesus of Suburbia: Green Day, sim! Sou apaixonada por essa música, quando era mais nova e queria fingir que era rockeira rebelde, pensava em tatuar “and I live behind this hurricane of fucking lies“, só porque achava uma frase incrivelmente foda. Na real que ainda acho. Vai falar que não é? São 09 minutos de música que faço questão ouvir inteira sempre que começa a tocar. E se sou interrompida, volto do começo. Ouvi muito durante a adolescência e tive o prazer de poder ouvi-la ao vivo, chorando de emoção. E em menos de 03 meses viverei esse momento novamente!

#03 Suddenly I See: Essa apareceu na primeira playlist do blog, mas como contei lá, ouço sempre que quero começar o dia me sentindo a mulher mais incrível e poderosa do mundo, então escuto bastante aloka. “Her face is a map of the world, a map of the world. You can see she’s a beautiful girl“. Fala se não é pra começar o dia maravilhosamente bem ouvindo isso?

#04 2.000 Light Years Away: Mais uma do Green Day, uma das minhas preferidas da banda e que eu escuto incansavelmente. Ela está no segundo CD deles, não é das mais conhecidas no mainstream, mas entre os fãs ela é bem queiridinha. E sei que se ouvirem uma vez, vão querer ouvir mais também!

#05 Só Por Uma Noite: Vai achando que é só de música internacional que eu vivo. E Charlie Brown Jr. não tem como ficar de fora, marcou minha vida demais e essa á a música deles que eu mais escuto até hoje.

#06 Total Eclipse Of The Heart: Anos 80. Clipe ruim. Delícia de cantar no chuveiro. Boa pra sofrer. Tinha como não escutar incansavelmente? Não sei pra vocês, mas pra mim não tinha não. É bom demais berrar ao som de “turn around, bright eyes“! E para quem está por fora, Bonnie Tyler vai cantar a música durante o eclipse vai acontecer dia 21/08. É incrível demais!

#07 Kiss Me: Sixpence None The Richer. Se me perguntarem se conheço mais músicas deles terei que informar que, infelizmente, não. Mas desde que escutei a música na trilha sonora de Como Perder Um Homem Em Dez Dias amei a música e escuto sempre, o tempo todo, sem parar 🙂

#08 I Don’t Want To Miss A Thing: Cara, essa é clássica, né? Aerosmith é amor, tive a época de ouvir Jane’s Got A Gun sem parar também, mas ainda assim não superou tudo que vem por trás da trilha do Armageddon. Escutei muito e escutarei ainda mais pelo resto da minha vida. E vou me emocionar a cada vez que cantar junto “I don’t wanna close my eyes, I don’t wanna fall asleep ‘cause I miss you, baby, and I don’t want to miss a thing”.

#09 More Than Words: A balada única do Extreme me pegou de jeito alguns anos atrás, quando nem tinha entrado direito na adolescência ainda e gostava de escutar com minha tia, que me ensinou a cantar e passou a tradução para mim. Acho que gostei mais pela facilidade de entender o que ele dizia na música, mas virou meu xodozinho!

#10 Your Love: I DON’T WANNA LOSE YOUR LOVE TONIIIIIIGHT“, essa música me dá vontade sair gritando, cantando e dirigindo loucamente por uma estrada no meio da noite. Ainda realizarei esse sonho. Mas é surreal o fogo no cu a empolgação que tenho ao escutá-la. Sempre melhora meu dia e sempre me dá vontade de ouvir again and again.

Agora me conta, por favor, quais são as suas músicas mais escutas, mesmo que não sejam 10. Tô curiosa pra saber se alguém partilha das mesmas que eu!

20431177_10155557924597556_19488188861920874_n